top of page

Soneto de Beltane


Dentro de mim quer explodir a mais bela chama.

Arde na fogueira de Beltane e grita angustiado

Sem ninguém escutar.


Forte como um trovão que rompe a noite escura,

Me assusta, sufoca e me aflige.


Que tanta dor uma mulher pode sentir sem que murche vazia para sempre?

Se em mim a vida voltasse a fluir,

Seria, então, como o doce mar de Chipre

Onde reina poderosa a bela Afrodite.


Divina Deusa, mãe celestial, não seria em sua plenitude sagrada tão bela quanto o meu amor.

Louca, insana, raivosa

Pudor, nunca tive.


Se em mim Vênus impera com toda sua lasciva melodiosa e seus amores etéreos.

Então, deixe que cresça no deserto de minha alma a mais linda flor.




@lilith_venusgrimorio


bottom of page